Aquele sobre o que posso oferecer

Eu não tenho muito para pedir. Mas eu tenho muito para entregar.
O que eu ofereço eu sei que hoje em dia não se acha fácil por aí.
Eu sou aquele que vai se esforçar para te fazer se sentir especial,
aquele que quer te elogiar, mas não só a sua aparência,
isso qualquer desconhecido na rua pode fazer,
vou te conhecer, vou aprender sobre as coisas que você gosta,
vou aprender sobre as coisas que você conhece,
vou aprender sobre você, pra quando eu for te elogiar,
seja por algo mais significativo do que a roupa que você está usando.

Vou querer te mostrar que o mundo vai além
daquele monte de caras que só querem você como troféu por uma noite,
vou me esforçar para caminhar ao seu lado,
entender seus sonhos e te ajudar a planejar como conquistá-los.
Serei o “bom dia”, o “tô com saudade” no meio de uma tarde chuvosa,
a voz de sono, realmente caindo de sono,
mas ainda com forças para te desejar boa noite.

Sei que talvez possa demorar para eu me mostrar por inteiro,
talvez minhas cicatrizes apareçam primeiro, e você sabe né,
sou meio sem jeito pra essas coisas de relacionamento,
talvez essa insegurança toda seja até parte do meu charme, vai saber né?
Vou te falar sobre as músicas que eu estou ouvindo,
e se você der azar, vou cantar pra você.
Vou querer comentar com você sobre meu time,
mesmo que você não goste de futebol,
vou perguntar o que você comeu no almoço,
e sugerir uma sobremesa gostosa.
Vou querer ver filmes com você, mesmo em casas separadas,
Vou te chamar pra dançar e te levar pra passear comigo,
nem que seja por fotos e comentários sobre o lugar onde estou,
eu vou fazer tudo isso e mais um monte de coisas bobas,
sabe aquele tipo de coisa boba que você só faz com quem gosta?

Eu nunca vou tentar te oferecer perfeição, nada mágico ou,
muito menos te oferecer uma linda história, daquelas que os filmes contam,
nada disso, vou te oferecer um pouco do que sou,
me esforçar ao máximo para te deixar conhecer o que tenho
escondido além desse muro de medo e insegurança e sim,
vou fazer de tudo para ser a pessoa que você queira ao seu lado.
Em troca, eu não vou te pedir muito, enfim, reciprocidade não se cobra,
ou ela existe ou não. Mas vou te pedir sinceridade, parece simples,
mas não é todo mundo que conhece o poder da verdade.
Se conseguirmos nos entender no meio disso tudo,
talvez eu te peça pra te ver amanhã,
sem te prometer que nos veremos daqui a um mês,
eu prefiro as coisas que começam, mas não tem prazo de validade.

Comentários
William Morais
Publicitário, quase cineasta e metido a escritor de SP. Aquariano com ascendente em Gêmeos. Romântico crônico e apaixonado por me apaixonar. Entre um café e um seriado nasce um Devaneio que vem direto correndo pra cá.

No Comments